sábado, 29 de setembro de 2012

Com o Próximo

Não há maior prova de amor do que dar a vida pelo próximo.

O grande amor do Pe. Rodolfo para com Deus não podia deixar de manifestar-se num grande amor para com o próximo.
Foi sempre heroicamente disponível. Não somente em momentos de fervor e consolação, mas nas horas difíceis da doença e das incompreensões.
Em São José dos Campos, num dia de calor intenso, voltava do sanatório, cansado, banhado de suor. Nem bem pusera o pé em casa, mandou-o o superior atender um doente. Imediatamente curvou a cabeça e pôs-se a caminho.

Texto do Pe. Fausto Santa Catarina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário